A Serpente Cósmica – o DNA

22 de dezembro de 2012 Comentários desativados

A Serpente Cósmica – o DNA

Corespondências e Conexões.

O ayahuasca é o mais complexo de todos os alucinógenos, tanto falando botanicamente quanto quimicamente. São quarenta e tantas espécies de plantas diferentes, conhecidas com este nome: ayahuasca. Nem todas crescem no mesmo lugar, portanto, é preciso conhece-las, a todas elas, para se fazer a mistura e o chá.

Carlos Shuma, um shaman, explicou a Jeremy Narby que o ayahuasca faz os espíritos” se apresentarem aos shamans e lhes darem todas as explicações possíveis e respostas corretas às suas perguntas em quaisquer setores: nas artes, técnicas de construção e edificação, tecnologias, astronomia, escultura, sobre o conhecimento das plantas e metodologia na cura de doenças A arte de perguntar tem os seus segredos.

Assim se faz quando se recorre ao I Ching – O LIVRO DAS TRANSMUTAÇÕES – chinês, as perguntas têm que ser feitas sucinta e diretamente., sem rodeios, especificamente dirigidas para cada um dos problemas que irão ser apresentados aos “maninkare” para serem compreendidos e depois resolvidos com sabedoria.

Jeremy Narby partiu de uma hipótese que lhe sugeria uma conexão demonstrável entre os ingredientes ativos no ayahuasca e o DNA contido nas células nervosas do cérebro humano. Foi o que o levou a estudar e pesquisar a biologia molecular.

O DNA

Narby descobriu, seguindo um árduo caminho de estudos que, provavelmente, o DNA corresponde às “essências” – os “maninkare” – com os quais os shamans se comunicam e deles obtêm SABEDORIA. Até agora, a biologia dita moderna contradiz o antropólogo. Esta “modernidade” dogmatiza que a Natureza não é animada por uma inteligência, portanto, é INCOMUNICÁVEL!”

Só que esta “modernidade” foi herdada dos séculos 18 e 19 amordaçados pela Religião que trancou a boca dos naturalistas, proibindo-os de divulgarem tudo o que fosse contrário ao que está escrito na Bíblia ou o que pudesse ameaçar a veracidade total dos seus textos. Isto não se constitui em novidade alguma é só verificar a intromissão da religião na história das ciências! Infelizmente, esta atitude redundou nesta tradição materialista que perdura até hoje!

A dieta cotidiana dos shamans prendeu a atenção do antropólogo, devido à sua eficiência. Quando os shamans se recolhem na floresta, praticamente sobrevivem à custa de bananas e de peixe. Estes são alimentos riquíssimos em serotonina (veja nota: (*1)).

O longo tempo passado sob o efeito dos alucinógenos, diminui a concentração deste neurotransmissor no cérebro. Os seus colegas antropólogos desconhecendo estes itens, chamam a esta dieta sábia de: “tabus alimentares irracionais!”

Os shamans insistem na INTELGÊNCIA das “Serpentes Cósmicas” e que entram, realmente, em diálogo inteligente com elas. O mais interessante é que as mulheres conseguem realizar este feito, naturalmente, sem o emprego de qualquer um dos alucinógenos, tendo as mesmas vantagens e sabedoria buscadas tão arduamente pelos shamans, através do seu sistema de vida espartano!
A razão disto talvez seja porque, afinal de contas, as mulheres são, todas elas, FILHAS DILETAS DE EVA…

Se os shamans se comunicam com o DNA das plantas alucinógenas e delas recebem a SABEDORIA, é obvio que o DNA destas plantas respondem ao DNA dos próprios shamans.

Todos o seres vivos não são animados por ele? Os shamans já conheciam o segredo do DNA que chamam de YOSHI, há milênios.

Atenção: Queremos deixar claro que o Imagick não usa nenhum tipo de alucinógeno para conseguir atingir estados alterados de consciência.

Respeitamos todas as crenças religiosas que usam os poderes desta planta para atingirem seus objetivos. Porém, somos absolutamente contra seu uso de forma indiscriminada e com finalidades lúdicas. Os shamans consomem estas substâncias com a devida preparação e cuidado, assim controlam as suas experiências e sensações.

Nossas técnicas provocam os mesmos  insights e persepções que são atingidos com o uso da ayahuasca, mas de forma segura, independente, sem efeitos secundários. Elas estão nos Cursos Pensamento Mágicko, O Poder da Vida, Magnetismo Pessoal e em todos que se utilizam da técnica chama Sonho Virtual Induzido.

Notas:

(*1).  – A serotonina ou 5-hidroxitriptamina (5-HT) é uma monoamina, isto é, uma molécula envolvida na comunicação entre neurônios.

Esta comunicação é fundamental para a percepção e avaliação do meio e para a capacidade de resposta aos estímulos ambientais. Diferentes receptores detectam este neurotransmissor, envolvido em várias patologias.

A serotonina parece ter funções diversas, como o controle da liberação de alguns hormônios e a regulação do ritmo circadiano, do sono e do apetite. Diversos fármacos que controlam a ação da serotonina como neurotransmissor são atualmente utilizados, ou estão sendo testados, em patologias como a ansiedade, depressão, obesidade, enxaqueca e esquizofrenia, entre outras. Drogas como o “ecstasy” e o LSD “mimetizam” alguns dos efeitos da serotonina em algumas células alvo. O ecstasy promove libertação maciça de serotonina e posterior depleção delas.

Em geral, os indivíduos deprimidos têm níveis baixos de serotonina no sistema nervoso central. Neste caso, deve se administrar inibidores da recaptação de serotonina pelos neurônios, como a fluoxetina, resultando em maior disponibilidade deste neurotransmissor na fenda sináptica. Um certo número de alimentos, como bananas, tomates, chocolate e o vinho são ricos no precursor da serotonina, o triptofano.

Saiba mais em www.imagick.org.br